Suprema Corte nega o pedido das igrejas do Colorado de alívio das restrições

0Shares

A Suprema Corte dos Estados Unidos decidiu rejeitar um pedido de duas igrejas contra restrições impostas pelo governo do Colorado, supostamente para impedir o avanço da covid-19.

A Igreja Bíblica de Denver em Wheat Ridge e a Community Baptist Church em Brighton registraram o pedido em resposta a várias restrições de adoração implementadas pelo governador Jared Polis.

O pedido foi rejeitado monocraticamente pelo juiz Neil Gorsuch, que preferiu não encaminhar o caso para o pleno do tribunal.

“A negação segue uma série de outras decisões recentes sobre o processo-sombra do tribunal em que o tribunal concedeu alívio emergencial a grupos religiosos que buscam isenções dos limites estaduais para encontros pessoais“, de acordo com o SCOTUSblog.

“Entre essas decisões estava uma decisão de abril em Tandon v. Newsom , em que o tribunal decidiu 5-4 que as reuniões de oração em grupo tinham direito a uma isenção da política da Califórnia que limita as reuniões em casas durante a pandemia”, continuou.

No ano passado, as igrejas processaram o Colorado por discriminação, já que restringiam mais os locais de culto do que outras atividades da sociedade.

fonte https://www.gospelprime.com.br/suprema-corte-nega-o-pedido-das-igrejas-do-colorado-de-alivio-das-restricoes/?utm_source=rss&utm_medium=rss&utm_campaign=suprema-corte-nega-o-pedido-das-igrejas-do-colorado-de-alivio-das-restricoes

0Shares
Anúncios
Anúncios