Folha diz que projetos contra a sexualização infantil dão margem à censura

0Shares

No último sábado (22), a Folha de São Paulo, mídia com forte alinhamento com a esquerda, publicou um artigo afirmando que projetos de lei contra a sexualização infantil podem facilitar a censura.

A sensualização das crianças, bem como a disseminação de uma agenda progressista que apresenta o público infantil como LGBT, é defendida pela esquerda.

No entanto, dizer que as leis contra pedofilia dão margens para a repressão, é favorecer o rompimento da moral social existente.

Todavia, as duas autoras alegaram que segundo “especialistas” proibir projetos como aquela exposição no museu que uma criança é convidada a colocar a mão em um adulto nu, pode contribuir para o aumento da homofobia.

No texto da Folha, as autoras criticam duas deputadas estaduais do PSL, que protocolaram projetos que visam proibir o uso da verba pública para eventos que promovam a sexualização de crianças e adolescentes.

Os projetos de lei teriam surgido depois que a campanha “Criança Viada Show” recebeu 10 mil reais da Lei Aldir Blanc, foi cancelada em Itajaí – SC.

No último sábado (22), a Folha de São Paulo, mídia com forte alinhamento com a esquerda, publicou um artigo afirmando que projetos de lei contra a sexualização infantil podem facilitar a censura.

A sensualização das crianças, bem como a disseminação de uma agenda progressista que apresenta o público infantil como LGBT, é defendida pela esquerda.

No entanto, dizer que as leis contra pedofilia dão margens para a repressão, é favorecer o rompimento da moral social existente.

Todavia, as duas autoras alegaram que segundo “especialistas” proibir projetos como aquela exposição no museu que uma criança é convidada a colocar a mão em um adulto nu, pode contribuir para o aumento da homofobia.

No texto da Folha, as autoras criticam duas deputadas estaduais do PSL, que protocolaram projetos que visam proibir o uso da verba pública para eventos que promovam a sexualização de crianças e adolescentes.

Os projetos de lei teriam surgido depois que a campanha “Criança Viada Show” recebeu 10 mil reais da Lei Aldir Blanc, foi cancelada em Itajaí – SC.

fonte https://www.gospelprime.com.br/folha-diz-que-projetos-contra-a-sexualizacao-infantil-dao-margem-a-censura/?utm_source=rss&utm_medium=rss&utm_campaign=folha-diz-que-projetos-contra-a-sexualizacao-infantil-dao-margem-a-censura

0Shares
Anúncios
Anúncios